AQUECEDOR PARA SUBSTRATO

10:48 By ACQUATICOS , In

Na natureza o substrato do fundo dos rios e lagos tende ser mais quente que a água provocando uma lenta circulação da água, o que não ocorre em um aquário, no qual a temperatura do fundo será a do ambiente em que se encontra e não a da água que esta na coluna do aquário, provocando os famosos pés frios nas plantas, o que diminui seu desenvolvimento. Como beneficio no uso de um aquecedor de substrato o efeito simulado é parecido com a da natureza onde o aquecedor de substrato integra o solo proporcionando toda a química e física do ciclo do aquário por meio de uma lenta corrente ascendente de água através do substrato este movimento impede a formação de condições anaeróbias sob o substrato, impedindo sua fermentação, além disso, dissolve lentamente os nutrientes do substrato, diminuindo a formação de nitratos em fundos que contenham argila. O aquecedor de substrato é utilizado para que a água que se encontra no substrato ao redor do cabo seja aquecida e se expanda com o aumento da temperatura a água é aquecida através do substrato onde passa a se misturar com a água do aquário que se encontra livre na coluna de água, ao mesmo tempo, a água que esta a um temperatura mais baixa na coluna de água entra no substrato para substituir a água aquecida, configurando uma circulação de água no substrato produzindo muitos benefícios, como a produção de correntes de convecção no substrato que extrair nutrientes da coluna de água no substrato, onde os nutrientes são arrastados para o substrato estão disponíveis para as raízes das plantas, mas não para as algas que crescem acima. Ao criar uma circulação de água no substrato evitaremos problemas em termos um substrato estagnado e pobre em nutrientes, com o aquecimento do substrato fornecemos uma fonte contínua de nutrientes frescos, mantendo o substrato fresco e viável para um tempo muito longo.
A circulação da água obtida por um aquecedor de substrato, que é comparado ao de um meio natural como de rios e lagos que são alimentados por água subterrânea jorrada através do substrato onde a água traz nutrientes do solo com ela, alimentando as raízes da planta.
Mas é importante notar que quando usamos o aquecimento do substrato, não estamos tentando copiar a natureza, mas apenas tentando conseguir os mesmos efeitos no substrato. O aquecimento do substrato é uma das maneiras mais fáceis para garantir e proporcionar em longo prazo ao seu aquário plantado um ambiente saudável.
O aquecimento do substrato é usado como um dispositivo para criar zonas de calor relativamente concentrado no substrato do aquário, onde o calor concentrado é essencial para produzir os benefícios, gerando correntes de convecção no substrato, criando a Teoria da Termodinâmica que mostra como a densidade de calor é transportada através do meio aquecido por condução e sem fluxo de material em que estão presentes, em um determinado limiar de densidade de calor dependente do meio, as correntes de convecção se formam no meio, o que nos leva a pensar que qualquer diferença de temperatura criar uma corrente de convecção. Isto é mais verdadeiro no ar, mas em um substrato é um meio muito mais complexo, pois é mais parecido com um sólido de que um líquido, sendo que os substratos do aquário pode ser uma mistura de água, cascalho fino, areia, terra, laterita, fertilizante em sticks, bolas de argila, turfa.
Para entendermos como o aquecedor de substrato funciona, pense de uma lareira em casa, onde o fogo cria uma área de ar quente, este ar quente se expande e sobe pela chaminé, e para substituir o ar quente que subiu, o ar frio é atraído para a lareira. Este movimento do ar, conhecido como o projeto, é mais geralmente chamado corrente de convecção.
No processo de aquecimento do substrato a temperatura do substrato deve ser mais quente que a água para acelerar os processos bioquímicos, onde será gerado o transporte de nutrientes do substrato para a coluna da água mais solúvel disponíveis para absorção das plantas, e também o transporte de substâncias nocivas para fora do substrato como subproduto de decomposição que pode ser prejudicial às raízes das plantas, há também plantas que emitem toxinas de baixo nível para manter outras plantas fora de seu território, onde espécies de plantas daninhas com sucesso desenvolveram esta forma de arte, caso estas toxinas se acumulam devido à má circulação, a planta pode prejudicar plantas vizinhas, o contrario também acontece onde o amônio gerado principalmente a partir de resíduos de peixe, o ferro, cálcio, potássio e outros oligoelementos adicionado pelo aquarista vão repor os nutrientes do substrato onde será utilizado pelas raízes e dando lhe viabilidade por um longo prazo dando um ritmo mais acelerado de absorção de nutrientes pelas plantas de 2 a 3 vezes mais rápido a cada 10°C aumento da temperatura. Apresentando também uma redução de oxidação, no ambiente para com os oligoelementos, fazendo com que sejam mantido em seu estado ou reduzido em utilizável pelas plantas ou são reduzidas ao seu estado de oxidado, e o caso do ferro em especial que se oxida rapidamente em água com níveis normais de oxigênio, fornecendo um meio de quelatação que se liga o estado reduzido de elementos-traço com uma molécula orgânica, permitindo ser absorvidos pelos cabelos da raiz. O aquecedor de substrato é um sistema a ser instalado na montagem de um aquário que é colocada sobre a superfície da base do aquário sob o cascalho, uma vez montados, é tarde demais para a introdução deste sistema, consiste em um tubo de resistência tipo um fio resistente isolado eletricamente, que se aquece com a passagem da eletricidade, este fio serpenteia fazendo um zigzag por todo o fundo do aquário, cada volta está separada entre 5 e 10 centímetros enterrado sob o substrato, a maioria dos aquecedores de substrato vem com algum tipo de ventosa para segurá-los no lugar até que o cascalho seja adicionado, as ventosas também determinam o espaçamento entre os cabos, e são regulado por um termostato o sistema pode ser alimentado diretamente por 110 ou 220 volts, o que simplifica e barateia a montagem, mas o melhor o sistema de baixa tensão que trabalha com um transformador para baixar a voltagem para 24 volts, pois no caso de qualquer rompimento da isolação no sistema não afetará os habitantes do aquário nem trará qualquer perigo para nós, pois podemos suportar voltagens de até 48 volts sem sofrer qualquer tipo de sensação, tendo em conta que a água doce é muito mal condutora de eletricidade, a segurança é total.
FORMA CORRETA DE INSTALAR O AQUECEDOR DE SUBSTRATO NO AQUÁRIO






Lembre-se que a separação dos traçados paralelos do cabo deve ser entre cinco e 10 cm e a potência entre 0,1 a 0,3 W por litro. Isto nos dá uma ampla margem de escolha e que é muito tolerante a erros de cálculo.
Quanto à potência há duas versões, um de grande potência, sendo um Watt por litro de água, pode ser o único sistema de aquecimento do aquário e outro de baixa potência sendo 0,2 Watts por litro de água necessita de um aquecedor adicional. Opte pelo de baixa potência, já que não precisa de termostato e o transformador e é muito mais barato.
O sistema de aquecedor de substrato devera ter um controlador para ligar e desligar para manter a temperatura ideal, o mais correto seria ser acoplado a um termostato, caso não tenha um termostato uma alternativa barata seria o uso de um timer simples de 24 horas para luz como controlador eletrônico. Ele pode ser configurado para desligar o aquecedor de substrato dentro e fora de hora em hora ou período produzir a temperatura correta da água em geral. Obviamente, isso vai gerar alguns acertos e erros para encontrar o período de timer que é certo para seu tanque. O controlador deve ser ajustado para a temperatura que você selecionou para seus peixes e plantas. É aconselhável monitorar cuidadosamente a temperatura durante há primeira semana para certificar-se dos cabos pode fornecer calor suficiente e o controlador é preciso. A defasagem criada pela massa de cascalho pode exigir que você defina uma temperatura superior ou inferior ao controlador para garantir uma boa média de temperatura da água. Em alguns casos, os cabos do aquecedor de substrato pode não ter potência suficiente para manter a temperatura do reservatório, especialmente em climas mais frios no inverno. Se você achar que precisa de um aquecedor suplementar, procure um com controle de temperatura muito precisas. Regule o termostato do aquecedor para que ele venha em 2 ou 3 graus mais fresco do que a temperatura da água desejada. Isso garante que o aquecedor de substrato esteja ligado para o comprimento máximo de tempo e que o aquecedor suplementar só vai participar se o cabo não consegue manter a temperatura da água desejada.
Se o cabo toca no fundo de um tanque de vidro, ele irá passar mais tempo de aquecimento do vidro que o cascalho. Isto não causará qualquer dano, mas vai reduzir a eficácia do aquecedor de substrato. Para evitar a perda de calor através do fundo do tanque, basta definir o tanque em uma folha de isopor, se o tanque fica em um estande de madeira maciça, a madeira em si funciona muito bem como o isolamento, pois é fundamental isolar termicamente o fundo do aquário.
Em minha opinião, baseados em experiência e manutenção em aquários plantados com e sem aquecimento do substrato, o benefício geral do aquecimento do substrato é dar estabilidade por um longo prazo, em aquários plantados. Se você tende a desmontar seu aquário a cada ano por qualquer motivo, não se preocupam com o aquecimento do substrato. Se você montar um aquário para um longo prazo mais de um ano, o aquecedor de substrato pode melhorar significativamente as suas chances de sucesso. No entanto, com base em minhas experiências, o aquecedor de substrato não vai melhorar a taxa na quais as plantas crescem. Tenho usado aquecedores de substrato por mais de 3 anos tenho recolhido evidências experimentais informal que me convenceu de que o aquecimento do substrato é eficaz se for utilizado corretamente.
Para muitos aquaristas que alteram seus aquários com frequência tem uma série de razões contrarias em relação os aquecedores de substrato. Só se o tanque permanecer montado por um período prolongado, e todos os outros requisitos para o crescimento da planta estão sendo atendidas, faz sentido gastar o dinheiro em um sistema de aquecimento de substrato ai você não vai se arrepender.
O único problema do aquecedor de substrato é ter seu custo um pouco elevado, mas ao fazer este investimento, você vai descobrir que plantas crescem saudáveis e irão permanecer assim por muitos anos, podendo conseguir estes resultados sem adicionar constantemente suplementos para o substrato para compensar a falta de nutrientes essenciais.
Depois de ler este artigo que descreve o aquecedor de substrato como fator essencial para o crescimento das plantas com sucesso, pense em como o seu próprio aquário, você pode querer considerar tentar ter um aquecedor de substrato em seu próximo aquário plantado. Você vai ver que não é tão caro em relação ao custo total de tudo que entra em um sistema de aquário completo. Você vai descobrir que o aquecedor do substrato pode ser útil durante o período inicial de montagem onde incentiva o crescimento da raiz e para a estabilidade e em longo prazo das espécies de plantas aquáticas cresçam saudáveis e permanecerá assim durante muitos anos, haverá menos problema com algas e você terá constantemente a adição de suplementos para o substrato para compensar a falta de nutrientes essenciais para o alimento das plantas.

CLEBER LUIZ DA SILVA

6 comentários:

Wander Chagas disse...

Gostei muito de seu post.

Me interessei sobre o assunto mas estou tendo dificuldades para encontrar este equipamento no mercado.

Sabe me indicar um fornecedor ou loja?

muito obrigado e Parabens

luiray disse...

Muito boa a sua explanação! Eu comprei um destes aí, vou instalar no aquário, mas acho que pelo jeito, vou ter que acoplar um termostato para controle de temperatura, independente do controle do aquecedor principal da água do aquário!

luiray disse...

Muito boa a sua explanação! Eu comprei um destes aí, vou instalar no aquário, mas acho que pelo jeito, vou ter que acoplar um termostato para controle de temperatura, independente do controle do aquecedor principal da água do aquário!

Vinícius Antoneli disse...

Onde comprou esse aquecedor luiray?

Vinícius Antoneli disse...

Onde comprou esse aquecedor luiray?

Vincent disse...

Olá senhores e senhoras,

Eu concedo empréstimos a qualquer pessoa que queira ajuda financeira. Este é um empréstimo entre indivíduos com condições muito simples, precisas e rápidas.

Obrigado por me responder se necessário. Este é o meu email: rafaeladimitriadis15@gmail.com

Postar um comentário

DEIXE AQUI SEU COMENTARIO